sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Comemoração Dia da Consciência Negra: Apresentação do Projeto Afrodescendente

      Hoje dia 20 de novembro, Dia da Consciência Negra. Chega de humilhação, desigualdade, desrespeito, injustiça, discriminação, vergonha, preconceito, intolerância. Viver com igualdade é saber respeitar as diferenças. 

       Os alunos do 1º ano ao 3º ano estão trabalhando o Projeto Afrodescendente, com o objetivo de promover a inserção social igualitária através do combate à discriminação e o preconceito racial, de forma a enfrentar o racismo brasileiro, valorizando e respeitando a diversidade humana.
          Através de desfile as crianças representaram os povos afrodescendentes que trouxeram contribuição para a cultura do nosso país seja na dança, música, literatura. Representaram os povos indígenas que deixaram como herança cultural muitos conhecimentos e instrumentos de pescas, várias plantas alimentares e medicinais, os povos italianos que contribuíram na alimentação como o hábito de comer panetone no natal, pizza, macarrão. A cultura nordestina influenciada por indígenas, africanos e europeus e os povos japoneses e seus descendentes que trouxeram para o Brasil a contribuição do esporte (judô), os japoneses amam o karaokê.
          Este é o nosso país,
                            "Viva a miscigenação! Mistura de raças, somos a cor do Brasil".




quarta-feira, 4 de novembro de 2015

E.E. Presidente Tancredo Neves Realiza Jogos Interclasse

          As aulas de educação física são de extrema importância na formação e no desenvolvimento das capacidades e habilidades motoras dos alunos. Vale lembrar que o estímulo e o incentivo devem partir do professor onde o mesmo deve mediar e orientar tal formação.
          Dessa forma é importante que se coloque em prática o seu aprendizado. Com esse objetivo, foi realizado no dia 03 de novembro na Escola Estadual Presidente Tancredo Neves, os jogos interclasses envolvendo todas as turmas do período matutino e noturno, na modalidade de handebol e futsal na categoria masculino e feminino, com o intuito de promover a interação social entre os alunos e para que os alunos possam colocar em prática os seus conhecimentos sobre as modalidades desportivas desenvolvidas nos jogos.


        É importante realizar os jogos, pois permitem maior interação o e respeito entre os alunos, despertam o espírito de equipe, estimula a prática esportiva e incentiva a prática de atividades saudáveis.
         No período matutino a equipe feminina campeã foi a do 2º B e no masculino os campeões foram os alunos do 1ºA, na modalidade handebol. No período noturno a equipe feminina campeã foi a do 3º C e no masculino os campeões foram os alunos da turma A da EJA, na modalidade futsal. Os alunos foram premiados com medalhas até a terceira colocação.
                                                       
                                                      Período Matutino – Modalidade Handebol

Masculino
Feminino
1º lugar
1º A
2º B
2º lugar
8º C
8º C
3º lugar
2º B
2º C

                                                         Período Noturno – Modalidade Futsal

Masculino
Feminino
1º lugar
EJA A
3º C
2º lugar
2º D
3º B
3º lugar
EJA C e D

quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Professora inova práticas pedagógicas com as turmas da EJA

       Sabe-se da necessidade de se recriar um novo modelo de educação, as tecnologias que vêm crescendo e se desenvolvendo atualmente são um dos caminhos para reinventar um novo espaço de ensino e aprendizagem na sala de aula e o educador deve ter coragem de buscar o novo e ousar na mudança de sua ação pedagógica.
       Pensando assim, a professora Andréia de física, vem inovando suas práticas com os alunos da EJA II com o uso da lousa digital, realizando um trabalho diferenciado, tornando suas aulas envolventes e atrativas. Os alunos realizam as atividades que contribuem para a construção do conhecimento e são estimulados a serem criativos e participativos.
       A escola é um dos mais importantes espaços da ação educativa e necessita de recursos pedagógicos que possam garantir o direito de aprender dos estudantes da Educação de Jovens e Adultos. 




 

terça-feira, 22 de setembro de 2015

Alunos da E.E. Pres. Tancredo Neves participam do JOERE/JOMIRE

        Aconteceu no dia 21/09 na EE. Presidente Vargas, os Jogos Escolares da Rede Estadual de Ensino – JOERE/JOMIRE. Os jogos têm como objetivo resgatar a prática do esporte nas escolas estaduais e integrar os alunos por meio das competições. E essas competições são importantes também para que os professores de Educação Física mostrem seu trabalho.
      Os jogos são divididos em duas categorias nos naipes masculino e feminino, nas faixas-etárias entre 11 e 14 anos (Jomire) e 15 e 17 anos (Joere).
         Nossa escola se destacou em várias modalidades, sendo que a Queimada feminina ficou em 2º lugar com a medalha de prata. A modalidade Conhecimentos Gerais da turma do Ensino Médio, ficaram em 3º lugar. O desenho feito pelo aluno Kevin Ferreira do 8º ano A e a fotografia da turma do 3º ano A matutino com o tema Diversidade e escola tiveram nota máxima (DEZ).
      Parabéns à toda equipe pelos resultados positivos para a E.E. Pres. Tancredo Neves, pois sem o conhecimento e dedicação de nossos professores não teríamos a vitória de nossos alunos.
Abertura do JOERE/JOMIRE 2015.
Fotografia: Tema diversidade e a escola, turma 3º ano A matutino. 

Professor André e Lucimary com as alunas da Queimada, 2º lugar.

segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Alunos trabalham produção textual com "Projeto Meu Diário"

          Ao propor uma atividade de produção textual é importante que se dê à escrita uma finalidade clara e, se possível, que estimule sua circulação fora do âmbito escolar. Quando a tarefa de escrita é feita na escola e, somente, para a escola, há chances de que os estudantes não arrisquem e não ousem na construção dos textos. O Meu Diário surgiu da necessidade de estimular a produção de textos, para isso estão sendo abordado o gênero textual, o diário. 
      Diante dessa realidade as professoras Lislayne do 3º ano A e Alzeni do 3º ano B estão desenvolvendo o Projeto Meu Diário, em que cada aluno adquiriu um diário personalizado pelas professoras e com o auxílio da professora Lidianne de Produções Interativas, onde registram os acontecimentos do dia a dia, suas impressões sobre o mundo, opiniões, suas ideias. Esta atividade estimula a criança, pois na atividade de escrita, a criança escreve do jeito que ela sabe e o professor faz intervenções necessárias em relação à escrita.
        

        Este projeto é um incentivo a leitura e a escrita de forma pessoal e criativa. Parabéns professoras pelo trabalho!

quinta-feira, 10 de setembro de 2015

Alunos recebem palestra sobre Reciclagem e Educação Ambiental

    Aconteceu na quarta feira (09/09), no período matutino na E.E. Presidente Tancredo Neves, uma palestra sobre Reciclagem oferecida pelo Instituto de Meio Ambiente (IMAM) de Dourados. Foram atendidos os alunos do 7º ano A, 9º anos, 1º e 2º anos do ensino médio que participam do Projeto Meio Ambiente. 
    A palestra abordou assuntos sobre os problemas relacionados aos desmatamentos, incêndios florestais e resíduos sólidos, acúmulo de lixo, erosão; a importância da conservação da fauna e flora, plantio de mudas, o conceito e o porquê de praticar a reciclagem, sua importância para a preservação do meio ambiente e geração de renda. Levou a reflexão se nós realizamos o processo no nosso dia-a-dia e enfatizou a importância de se reutilizar as garrafas pets e o que pode ser feito com elas. Na ocasião foram apresentados slides sobre diversos materiais que podem ser fabricados com as garrafas.
     O objetivo é repassar informações sobre os prejuízos que os materiais descartados de maneira imprópria podem causar ao meio ambiente e conscientizar o que se pode fazer em casa e na escola.
     Os alunos foram divididos em três turmas sendo que em todas as apresentações os estudantes manifestaram profundo interesse pelo tema dissertado, principalmente pela reciclagem dos materiais, pois estes alunos estão confeccionando materiais com objetos reciclados, além disso, aprenderam que ações simples, fazem a diferença se cada um levar adiante como hábito.